28 de dezembro de 2016

Profeta que visitou o Brasil conta que foi o lugar mais pecador que ele já esteve




“Este é o lugar mais pecador que já estive”, diz "profeta" sobre o Brasil.

A cultura brasileira sempre foi uma cultura que chocou o mundo. Norte-americanos não entendem o motivo de usarmos sungas e biquínis fio-dental nas praias e piscinas, não entendem a maneira como o povo gosta de dançar, etc. Entretanto, um fato chocou o "profeta" David Owuor. Ele é famoso por prever furacões e curar pessoas com enfermidades e deixou uma grande mensagem em Campo Grande/MS, segundo ele, devemos nos preparar e ficar prontos para o retorno de Jesus Cristo.

De origem queniana, o pastor falou abertamente sobre assuntos um tanto quanto polêmicos e delicados e fez críticas aos homossexuais, as roupas curtas e aos pecados sexuais. Não mediu as palavras ao dizer que o Brasil é o número um em cometer pecados do mundo todo e que as manchas que isso causava na igreja seria a principal causa do despreparo do homem para o retorno de Jesus Cristo.

Ele contou que a escolha por pregar em Campo Grande veio por um pedido de Jesus. Continuou dizendo que com a chegada dele as pessoas estariam prontas para o retorno do Messias e que deveriam sair da vida de pecado que eles insistiam em continuar levando.


As maiores críticas foram feitas ao líderes religiosos pois, segundo ele: “Ovelhas são ovelhas, e sempre vão obedecer. Como querer repreender o pecado, se você está no pecado?”. Disse ainda que a igreja tinha parado no tempo e que a volta de Jesus Cristo estava próxima, que todos deveriam se preparar para isso.

Perguntou o motivo de ainda existir meninas que utilizam saias ou roupas curtas e justas no momento do culto e segundo ele esse é uma das maiores manchas da igreja no Brasil, pois trata-se de um pecado sexual. Contou que assim que chegou no Brasil, entrou no carro e fechou os olhos pois não queria ver as roupas das mulheres, pois, segundo ele, o país foi feito para o inferno. Contou ainda que no Céu não haverá local para cristão moderno.

Ainda fez enormes críticas a uma modalidade muito famosa no Brasil: o evangelho da prosperidade. Pediu para que fosse exterminado e contou que não existe nenhum contrato com Jesus Cristo, pois não existe o fato de dar e receber em dobro.


Compartilhe com seus amigos:
Facebook
Blogger

0 comentários:

Postar um comentário